O Xamanismo é a mais antiga forma de conhecimento e cura.

O Xamanismo é também a mais antiga forma de espiritualidade e contacto com o Divino.

Refiro o Xamanismo no seu sentido mais profundo, como uma forma de vida não apenas como um instrumental conjunto de técnicas. E tudo isto era (é) um todo, inseparável e uno, uma unidade para além das partes de que se compõe a forma verbal de expressão.

Pode dizer-se que o Xamanismo está na origem de basicamente todas as práticas chamadas holísticas, alternativas, de desenvolvimento, ou afins, com crescente expressão na sociedade em que vivemos. Mesmo que algumas delas não tenham surgido de forma conscientemente dessa raiz, ou que não seja assumida a paternidade.

 

PARALELISMO COM AS PRÁTICAS HOLÍSTICO-ALTERNATIVAS ACTUAIS

 

Senão vejamos alguns pontos de contacto:

♡ em primeiríssimo lugar os ascendentes: reconhecer e honrar os ascendentes »» hoje temos isso por exemplo no sagrado feminino, nas constelações familiares, no resgate cármico

♡ o respeito, cuidado e entrosamento com a natureza »» hoje temos o uso dos cristais, os retiros na natureza, bem como uma variada gama de estilos de vida recomendados para o bem-estar e `medimos cientificamente´ o bem que faz à nossa mente e biologia, um passeio à beira-mar ou na floresta!!!

♡ a significância do som seja nos tambores, cantos, mantras e danças »» temos hoje a terapia do som, o transe dance, as afirmações positivas, e, como diz um amigo: Graças a Deus (!!!), continuamos a ter os tambores, gongos, cânticos ….

♡ a respiração »» hoje fazemos sessões de rebirthing, respiração holotrópica, respiração…

♡ a meditação »» basta parar e pensar em quantas formas, designações e especificidades assume a meditação oferecida hoje em dia

♡ o transe »» hoje temos a hipnose com fins terapêuticos, a terapia de vidas passadas o transe dance

♡ os estados alterados de consciência para contacto com os aliados espirituais »» hoje temos uma quantidade de mestres ascensos, anjos, arcanjos que, não raras vezes, trabalham em nós por via de técnicas multidimensionais, cirurgias espirituais ou ´simples´ meditação

♡ iniciações de homens e iniciações de mulheres »» hoje existem os grupos de resgate do sagrado feminino, e diga-se, em maior quantidade do que os grupos do sagrado masculino…

♡ os rituais e cerimónias »» hoje todos já ouvimos falar dos rituais à lua cheia ou da saudação às quatro direções, ou o significado da fogueira

♡ os símbolos ancestrais »» hoje são usados símbolos por variadíssimas técnicas, para além do tradicional Reiki, a geometria sagrada e linguagem de luz

♡ o contacto com o divino, fosse o sol ou fossem seres misteriosos perpetuados em pinturas e esculturas »» hoje temos terapias de cura energética que contam com a colaboração benevolente de Pleidianos, Arcturinos, Orion, LYRA…

♡ o grupo de anciãos que por sabedoria e ponderação geria o grupo »» bem lamentavelmente isto hoje não temos… e como precisamos!!! Mas talvez nos possamos animar, segundo Kryon, canalizado por Lee Carroll, estamos a caminho disso… um regresso, uma reinvenção da sociedade.

♡ Já agora falando de canalização… »» não seria isso que os Xamãs faziam?

O paralelismo podia continuar, mas já é certamente suficiente para se perceber que, em essência, o Xamanismo é uma vertente de auto conhecimento e cura, que se socorre de várias vertentes/disciplinas para cumprir esse objectivo. E percebemos, que hoje em dia, temos várias práticas ou técnicas que vão buscar e se alicerçam nessas mesmas vertentes/disciplinas, as exploram e desenvolvem.

 

QUANTUM O CAMPO DA CONSCIÊNCIA

Temos tudo isto, e temos o que do Xamanismo persiste, por legado passado de geração em geração. Temos as profecias de um Homem Novo que irá (estará JÁ a ) transformar-se por dentro para mudar, em Luz e Amor, a vida na terra ….

E claro temos a noção (intrinsecamente xamânica) de quantum, em termos esotéricos, a ser cada vez mais acompanhada das “ciências do quantum”: seja pelos campos morfogenéticos; seja por relatos de vidas passadas estudados, pesquisados e comprovados; seja pelas descobertas de que a nossa biologia está aquém do que somos verdadeiramente, que os nossos pensamentos e emoções sem qualquer materialidade – não palpáveis, condicionam a nossa biologia- a nossa fisicalidade…. E, no fim, bem como no principio de tudo, Somos Consciência, Una com o Todo. E, em simultâneo, A parte do Todo, que em si mesmo é um Todo, e é dotada de livre arbítrio!

 

Nota: a menção que faço a técnicas oferecidas no mercado não significa uma recomendação, estou apenas a fazer um exercício despretensioso de comparação que passa por enumerar umas quantas, entre a oferta corrente, com alguma expressão.